Esmalte Lágrimas de Vênus Risqué e Ela Quem Manda Gio Colorama

E aê? Com saudades das Olimpíadas? Acabou, né? Que pena… E deu certo a não ser pela piscina verde. rsrsrs Renovou nossa autoestima. E não posso deixar o post sem a surpresinha que ganhei do Peixinho: Vinicius, o mascote olímpico. Beyoncinha está doida para brincar com ele. Fica rondando, cheirando, dá umas patadinhas… Hahaha

vinicius-mascote-olimpiadas-rio-2016 SAM_7802

Mas vamos aos esmaltes. Como é mutante o Ela Quem Manda! Ora verde ora cinza. Não consegui fotos da “verdura” dele. Super fácil de esmaltar: duas camadas sobre uma camada da Base Niveladora Impala. Apesar de escuro não foi difícil de limpar com acetona. Também usei duas camadas do Lágrimas de Vênus, sem top coat em nenhum deles. Até quinta Gentchi!

lagrimas-de-venus-risque-ela-quem-manda-gio-colorama SAM_7615

*Os esmaltes Colorama são 5Free. Os esmaltes Risqué são 3Free.

Esmalte Antenada Vult e Bapho Realce

O Antenada apareceu aqui e o Bapho aqui e aqui. A versatilidade dele permite muitas combinações. Usei duas camadas ajeitando os glitters sobre duas camadas do Vult. Finalizei com Extra Brilho Ideal para deixar o acabamento lisinho. Dourado branco e azul são cores que “conversam” bem. Até terça Gentchi.

antenada-vult-bapho-realce SAM_6772

Locão Hidratante Corporal Flor Silvestre Morango Alchemia–Sexta Perfumada #29

Uso há muito tempo esse hidratante Alchemia. Não deixa a pele peguenta e hidrata bem. Quando combinado com o Body Splash Bifásico garante horas de perfumação. Lembra muito o antigo Body Splash Morango com Champagne Victoria’s Secrets. O aroma é de morango flutuando na taça de champagne. Um morango natural que tem seu azedinho destacado pelo champagne. Amooo! Assim que acaba já compro outro na Renner. O último paguei R$16,90. Vem 200ml na embalagem.

hidratante-flor-silvestre-morango-alchemia SAM_6552

Vcs já usaram algum hidratante Alchemia? O que acharam?

Feriado Olímpico

Como estou sem tempo para postar manis e o sol está fugindo quando quero fotografar comparações resolvi dar um “feriado olímpico” ao blog também. Mas amanhã tem post, combinado?

Tenho acompanhado principalmente os saltos do trampolim e da plataforma, o hipismo, a ginástica e o nado sincronizado. Porque como não posso ver ao vivo nem tem graça ver “jogo requentado”, né? Vcs estão acompanhando alguma modalidade olímpica?

“Mammys já estou de olho na TV.”

beyoncinha-olimpíada SAM_7138

Torcida Animada

Hoje não tem nem esmaltes nem perfumes. Mas tem Olimpíadas Rio 2016. Estou aqui para falar da torcida animada na prova de ontem do salto com vara onde o brasileiro Thiago Braz da Silva ganhou a medalha de ouro. O francês Renaud Lavillenie, favorito mas que ganhou a medalha de prata, fez duras críticas ao comportamento da torcida que o vaiou parte da competição. Pois é… foi na última etapa da competição pois ele parece ter esquecido que enquanto era o favorito a torcida o incentivou. Somente quando a disputa ficou entre ele e o brasileiro houve vaia.

Talvez ele desconheça um dos significados de animada: que tem alma. E o que seria de uma competição sem alma? Sim porque o atleta é o corpo que vence os limites inimagináveis e a torcida é a alma que movimenta – anima – o espetáculo. Já pensaram que triste uma competição sem alma? Uma arquibancada vazia, sem torcida? Somente atletas e juízes nas arenas e estádios? É meu caro francês… somos um país jovem perto do seu e por isso mesmo estamos aprendendo. Mas somos jovens e adultos, não crianças que precisam de um menu sobre como se comportar durante as competições.

Não é bonito vaiar o atleta. Assim como não é bonito empurrar a adversária na hora da chegada da natação como sua conterrânea fez. Não é bonito não cumprimentar o vencedor da prova como você fez. Sabe o que é bonito? Não é reclamar da falta de fairplay da torcida. É ter fairplay  e comemorar a medalha de bronze como se fosse de ouro. É comemorar fazendo aviãozinho com a torcida ainda que a medalha de ouro tenha sido tirada do atleta por um irresponsável como ocorreu na maratona em Atenas/2004. Tá vendo só? Um brasileiro de alma jovem ganhou   – e comemorou com animação – a medalha de bronze ao invés da merecida medalha de ouro e é a representação do espírito olímpico. É meu caro francês… A medalha Pierre de Coubertin – mais um conterrâneo seu – faz companhia à medalha de bronze no peito de Vanderley Cordeiro de Lima. Isso é bonito, não concorda comigo?

Não… Péra… Tem esmalte sim! Essa mani está explicadinha aqui. Até quinta Gentchi!

Unhas Verde e Amarela

Entradas Mais Antigas Anteriores

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 348 outros seguidores