Elie Saab Le Parfum Intense–Sexta Perfumada #72

Denso, cremoso, sofisticado e elegante são as palavras que usaria para descrever essa joia da perfumaria. Penso em uma mulher alta, elegante, em um baile de gala usando um vestido preto e longo. Ela usa um colar e bracelete de diamantes. O brinco é um delicado diamante solitário. No salão de baile reinam arranjos  com flores de laranjeira. Da cozinha vem um delicioso e natural cheiro de mel, parecido com o mel dos doces árabes. Mas alguém se machucou antes do baile e foi à festa usando um adesivo Salonpas, deixando um rastro de cânfora por onde passa. Ao abraçar a mulher elegante um pouco do cheiro de cânfora passa para ela. Assim seria o Elie Saab Le Parfum Intense na minha pele.

O Elie Saab Le Parfum Intense abre com a flor de laranjeira e o mel super naturais. Aliás nada nele é sintético. Na abertura um quê canforado se junta ao mel e às flores. Dura por umas seis horas e a partir daí vai suavizando, ficando então um floral amadeirado que não sei de onde vem já que não há madeiras na composição. Projeção ótima e fixação de mais de 12 horas com duas borrifadas apenas.

perfume-elie-saab-le-parfum-intense-resenha SAM_1206

Considero esse um perfume oriental floral, adequado a baixas temperaturas e eventos formais. Sofisticação pura em forma de perfume. Não combina com calor. Achei o lançamento Jean Paul Gaultier Scandal bem parecido com ele. O que os diferencia é que o Scandal é bem carregado no patchouli. Como se houvesse uma combinação entre o Intense com o patchouli do Lancôme La Vie Est Belle.

Avaliação:

Embalagem: caixa de papelão marrom acinzentado com dourado;

Frasco: lindo pois lembra uma joia por causa dos cantos lapidados. A tampa plástica acompanha o lapidado do vidro;

Válvula spray: 6 – não teve problemas até agora;

Fixação: 9 – dura por mais de 12 horas na pele. Tem um aspecto oleoso assim que é borrifado na pele. Acredito que isso ajude na fixação prolongada.;

Projeção:  8 – o cheiro de flor de laranjeira com mel é percebido por todos que estão ao redor. Nas primeiras seis horas projeta bem;

Silagem: 8 – alta. Deixa um rastro de flor de laranjeira com mel por onde passa;

Segundo o site Fragrantica a pirâmide olfativa é:

Nota de Saída: Flor de Laranjeira;

Notas de coração: Ylang Ylang, Rosa e Mel e

Notas de fundo: Patchouli ou Oriza e Âmbar.

Perfume do Dia: Donna Fiorucci

Bom findi e até segunda Gentchi!

Anúncios

Insolence Guerlain–Sexta Perfumada #71

Ah… O que dizer dessa jujubinha rycah? Desde que chegou só quero usá-lo. Aproveitei uma promo porque ele não tem mais a fixação de antigamente por isso não vale o preço cobrado. Uma pena pois o aroma doce tem um quê de sofisticado com o fundinho talcado combinado com o cheiro de jujuba. Esse talcado vem da íris, que mesmo sendo nota de fundo já sinto presente desde o começo da evolução. O meu é a versão eau de toilette.

insolence-guerlain-eau-de-toilette-sexta-perfumada-71 SAM_1172

Avaliação:

Embalagem: caixa de papelão lilás com detalhes holográficos;

Frasco: de redonda de vidro transparente com o fundo arredondado e o topo plano. A tampa plástica reproduz o formato de uma flor;

Válvula spray: 6 – não teve problemas até agora;

Fixação: 7 – dura por seis horas na pele;

Projeção: 6 – nas primeiras duas horas projeta bem. Depois fica mais suave;

Silagem: 6 – média. Deixa um rastro de jujubas talcadas;

Segundo o site Fragrantica a pirâmide olfativa é:

Notas de Saída: Framboesa, Bergamota, Bagas Vermelhas e Limão Verdadeiro ou Siciliano;

Notas de coração: Flor de Laranjeira, Violeta e Rosa e

Notas de fundo: Íris, Sândalo, Fava Tonka, Almíscar e Resinas.

Perfume do Dia: Insolence Guerlain Eau de Toilette. Bom findi e até segunda Gentchi!

Adeus Givenchy – Sexta Perfumada #70

Essa semana o mundo da moda ficou menos elegante e glamouroso. Sábado, 09/03/18, morreu o estilista Hubert de Givenchy. Sua criação icônia é o vestido que a atriz Audrey Hepburn usa na abertura do filme “Bonequinha de Luxo”. Depois do sucesso do filme Givenchy vestiu celebridades com Jackie Onassis e Grace Kelly. Escolhi esse perfume edição limitada para homenageá-lo não só por sua raridade mas também porque traz o nome de um tecido, organza.

Organza tradicional é um dos meus perfumes favoritos. Tenho uma história interessante com ele. Nos primeiros usos não gostava muito. Aí fui usando “para acabar logo” e me apaixonando. Tornou-se então um dos meus favoritos. Infelizmente com as limitações do uso de ingredientes naturais a versão atual não é nem sombra da versão vintage. Tanto que apesar de favorito o reformulado está encostado no fundo do closet.

perfume-organza-fleur-d'oranger-givenchy-harvest-2006-sexta-perfumada-70 SAM_1175

Esse da foto faz parte de uma coleção limitada, Harvest. Seu principal componente é o absoluto de Flor de Laranjeira colhidas nas ensolaradas montanhas Nabeul na Tunisia, às margens do Mediterrâneo. Uma tonelada de flores produzem um kilo de absoluto. A Flor de Laranjeira, nota predominante no  Organza Fleur d’Orange Nabeul 2006, representa o amor eterno. E quem não ama o glamour das criações de Givenchy?

Bom findi e até segunda Gentchi.

La Petite Fleur Blanche Paris Elysees–Sexta Perfumada #69

Demorei muito para comprar esse contratipo do La Vie Est Belle Lancôme. Como me arrependo da demora… Que perfume maravilhoso é esse? Diria que é uns 70% / 80% parecido com o original. O que precisa ficar claro é que os contratipos não conseguem reproduzir a evolução do original. Por isso o precinho amigo.

Sinto logo na saída caramelo com patchouli. Com pouco tempo chega a íris e as frutas vermelhas. Essas notas se mantém até o final. Narizes menos treinados não perceberão que não é o original. Várias pessoas perguntaram ou afirmaram que era o La Vie.

O Fleur Blanche chega a grudar na roupa de cama como o La Vie, o que achei excelente em termos de fixação para um perfume que custa em média R$70,00 com 100 ml. Em uma tarde de uso tomei banho à noite, fui dormir e quando acordei ele estava lá… Adoçando minha roupa de cama.

perfume-la-petite-fleur-blanche-paris-elysees SAM_1150

Avaliação:

Embalagem: caixa de papelão branco onde está à direita o desenho do frasco. À esquerda, sobre a marca Paris Elysees, tem uma silhueta de pernas femininas usando um scarpin preto;

Frasco: Vejo um laço na parte de vidro do frasco. No meio em alto relevo está o nome da marca. A tampa é em plástico branco e preto. Tem uma flor com um laço abaixo dela;

Válvula spray: 6 – não teve problemas até agora;

Fixação: 8 – dura por seis a sete horas na pele;

Projeção: 8 – todos ao redor conseguem perceber o cheiro adocicado;

Silagem: 8 – deixa um rastro de frutas vermelhas com caramelo e íris facilmente percebido por todos.

Segundo o site Fragrantica a pirâmide olfativa é:

Notas de Saída: Bergamota e Pêssego;

Notas de coração: Frutas Vermelhas, Flor de Laranjeira, Jasmim e Flor de Íris;

Notas de fundo: Patchouli ou Oriza, Baunilha, Fava Tonka, Almíscar Branco e Caramelo.

Perfume do Dia: Insolence Guerlain Eau de Toilette.

Bom findi e até segunda Gentchi.

Porta-perfume Recarregável Granado-Sexta Perfumada #68

Estava na Granado pagando uma compra quando vi uma espécie de “livrinho” perto do caixa. Peguei para abrir e qual não foi a minha surpresa ao dar de cara com um vaporizador ou porta-perfume do tipo Travalo. Não sabe o que é essa maravilha chamada Travalo? Vem comigo que já explico. O “livrinho” vem com uma capinha de acetato:

porta-perfume-travalo-granado SAM_1135

É um porta-perfume que recarrega pressionando o fundo dele contra a válvula do frasco de perfume. Não precisa tirar a tampa nem usar funil para encher. Na foto abaixo dá para entender como funciona:

porta-perfume-travalo-granado SAM_1132

Estava há anos atrás de um desse tipo mas é quase impossível encontrar um site que entregue no Brasil ou que não cobre um rim pelo frete. Um dos frascos do Forever Elizabeth Elizabeth Taylor está com a válvula ruinzinha. Amo com todas as minhas forças esse perfume mas não estava podendo usar. Mas agora fui salva pelo porta-perfume Granado. Cabem 5 ml nele e é possível acompanhar quanto tem no frasquinho olhando pela parte de trás, onde tem uma “janela” transparente. Por sorte a vedação da válvula do meu perfume está perfeita e por isso ele não sofreu nenhuma alteração, apesar de já ter mais de 10 anos.

Bom findi e até segunda Gentchi!

Entradas Mais Antigas Anteriores

Arquivos