Sabor sem Açúcar #1–Biscoito de Chocolate Recheado Doce Vida Zero Açúcares

Sou uma formiga raiz que ama com todas as forças… doces, lógico. Sabia que essa paixão teria hora para acabar. Minha mãe é diabética por isso não posso descuidar. No meu último exame de rotina minha glicose, que sempre foi 80, mesmo “me matando” em doces e refrigerante, deu ruim. Não estou diabética mas se não cuidar vai dar ruim “mermu”. Lógico que fiquei chateada por ter que abandonar o açúcar. Refrigerante zero, apesar do sabor residual de adoçante, encaro na boa. Mas e os tão amados docinhos? Como viver sem eles?

Encontrei minha salvação em uma marca que já conhecia, a Flormel – falarei de muitos produtos da marca. E também na seção de “diet/light” do supermercado Carrefour. O gerente teve a brilhante ideia de juntar todos esses produtos em uma pequena seção na entrada do supermercado. Mais prático impossível. Nada de ficar rodando no supermercado – já disse que odeio ir ao supermercado? kkk – para achar os produtos perdidos nas seções. Apesar de não ser um hipermercado achei excelente a variedade de produtos. Maior do que a do hipermercado Extra, por exemplo.

sabor-sem-açúcar-1-biscoito-recheado-de-chocolate-doce-vida SAM_2731

E o post de hoje é sobre um biscoito recheado qua achei mais gostoso do que Bono. Ele não tem a textura “seca” como o Bono. Tanto o recheio quanto a massa do biscoito são macios. O fabricante é a Pepsico, esse mesmo… que fabrica o refrigerante Pepsi. Nem sabia que essa marca produzia produtinhos sem açúcar. Fico feliz principalmente pelas crianças com restrição de açúcar na dieta que têm uma opção gostosa de biscoito recheado.

Um detalhe que sempre irei deixar nos posts. Não é porque o alimento não tem açúcar que pode comer sem medida. Para quem não quer engordar tem sim que ficar atento às calorias. E não é para substituir comida saudável como frutas por biscoito, né? Como poucos – não todos os dias – apenas para “matar” a vontade de um docinho. As guloseimas sem açúcar aparecerão de vez em quando aqui no blog.

*Todo mundo entendeu que não são publieditoriais, né? Não recebi nada de nenhuma empresa. Os produtos foram todos comprados por mim.

Arquivos